Tags : outono

  • avatar

    "Ramos Solitários"

    João Jesus e Luís Jesus, em letrasaventureiras27/06/2017 às 14:00

    A sua última folha acaba de cair, está sozinha outra vez! Com toda a força que tem, ela tenta apanhá-la, mas os seus longos braços não se moveram um centímetro. Não se queria sentir sozinha e nua outra vez.  Gostava tanto de todas as suas filhas, todos os anos, mas também (...)

    Ler mais
  • avatar

    A PALAVRA DE JOÃO BÉNARD DA COSTA

    cnc_admin, em e-cultura23/05/2017 às 09:00

      MORRER FACE AO OUTONO   1 . Esta estranha primavera de 2005 vai-se infiltrando muito outonal. Em qualquer sentido da palavra, das nuvens e do vento. Olhem bem à volta e reparem nas caras das pessoas. Já atentaram bem no número de caras que as pessoas agora têm? O número de (...)

    Ler mais
  • avatar

    A festa de aniversário

    Ivone Neto, em ivoneneto17/05/2017 às 20:48

    5 Outonos. E o Arthur ganhou uma festa especial. Sua alegria com a chegada dos amigos da escola, primos e amigos filhos dos amigos, foi muito gratificante. Foi uma festa adorável para celebrar a vida desse menino cheio de graça. É incrível como ele ficou contando os dias para a (...)

    Ler mais
  • avatar

    MANHÃS DE ABRIL...

    Malu Silva, em momentosembrancoepreto01/05/2017 às 23:52

        São assim, cheias, vazias... colcheias de notas leves pelo ar. Aromáticas, profundas em suas névoas, assindéticas, mas com conectivos. Manhãs primitivas Na cor de terracota. Horas coloridas, mescladas em alegrias perpétuas. Talvez um tanto frias... Apenas manhãs de (...)

    Ler mais
  • avatar

    ModaLisboa Boundless

    Graziela, em vidadedesempregada27/03/2017 às 10:00

    Fotos:  Graziela Costa  captadas com a  Canon 5DS   Bem sei que estou atrasada, pois a ModaLisboa Boundless  já decorreu há uns dias, mas não podia deixar de partilhar convosco algumas fotografias do evento que "dita" as tendências de  vestuário, calçado, maquilhagem e (...)

    Ler mais
  • avatar

    Uma Canção Sem Pé Nem Cabeça

    imagensapalavradas, em imagensapalavradas18/03/2017 às 00:00

    se falo contigo em versos tão antigos se escrevo para ti em lentas caligrafias de tarde de outono se versejo meio sem graça o verso torto que teima em se ajeitar na folha branca se declamo para mim sozinho juras de amor e promessas de carinho se te peço de joelhos à moda dos (...)

    Ler mais
  • avatar

    Maestrina

    O meu poema, em poema12/01/2017 às 16:26

    O céu estava sem forma, pintado por um cinzento claro e baço. Proeminentes, permaneciam os troncos de uma ramada descoberta pelas vicissitudes de um outono caduco. O contraste permitiria, certamente, que o olhar se detivesse no estendal, perfeitamente alinhado com a interface de (...)

    Ler mais