Tags : poema

  • avatar

    Recordando... Gastão Cruz

    cateespero, em cateespero19/08/2017 às 00:00

    ODE SONETO À CORAGEM   O silêncio coragem não consente o amor da linguagem o silêncio é um incêndio grande e a nossa fala estremece de palavras abraçadas   Há um amor do que se diz do fogo onde sempre se esgota a nossa voz dizer palavras é lutar se a luta reconhece as (...)

    Ler mais
  • avatar

    Hoje saí à rua..

    Palavrasfelinas, em palavrasfelinas18/08/2017 às 17:47

    Hoje saí à rua..e vi que as horas não passavam de estrelas Caminhei junto ao rio..esperei pelas rugas..contei-lhes histórias Disse-lhes que é fácil ser feliz...basta abraçar e acariciar os grandes espaços E que é facílimo ser herói quando a dor é apenas um estranho (...)

    Ler mais
  • avatar

    Pernoitas em mim

    Rita PN, em atequeossentidostransbordem18/08/2017 às 08:23

    pernoitas em mim  e se por acaso te toco a memória... amas  ou finges morrer  pressinto o aroma luminoso dos fogos  escuto o rumor da terra molhada  a fala queimada das estrelas  é noite ainda  o corpo ausente instala-se vagarosamente  envelheço com a nómada solidão das (...)

    Ler mais
  • avatar

    aquilo que se vê

    Cecília, em narizdecera17/08/2017 às 21:37

        fecho os olhos. vejo luzes de cidades distantes. a noite distante. vejo o brilho de um sonho tão impossível.   a escuridão é absoluta. a escuridão é infinita. todos os cegos sabem que a escuridão é a morte.   fecho os olhos. vejo aquilo que se vê com os olhos (...)

    Ler mais
  • avatar

    ALGUÉM DE PASSAGEM  

    Nuno Félix da Costa, em relatoriosobreoqueacontece16/08/2017 às 02:13

    Dedos admirados de um corpo, ao vento piparotes de enganos soltam. O pensamento (assim, verso-pão do «alguém» não referido que sustenta a ausência – e a demora) plana numa obsessão de preenchimento. Terno balão no oco de si varre os detalhes do sentido (encontra-o e (...)

    Ler mais
  • avatar

    Palavras em lágrimas

    francisco luís fontinha, em franciscoluisfontinha15/08/2017 às 21:35

    Porque choram as palavras, meu amor!   Neste silêncio cubículo guardo o meu corpo embalsamado pelo tempo, Sinto o abraço das palavras tristes quando as lágrimas da paixão brotam do sorriso sol, Sento-me no teu colo, beijos incandescentes nos teus lábios em flor… Me resigno (...)

    Ler mais
  • avatar

    a minha bola trapeira

    pontos nos is, em pontos-nos-is11/08/2017 às 14:35

    Sou feita de meia e trapos de trapos aos bocadinhos lisos, às riscas e pintas e também aos quadradinhos   Eu levo a bola trapeira dentro da minha sacola, vou jogar muito com ela no recreio da escola   Ja rompi o meu sapato ja ficou sem a biqueira, foi de chutar tantas vezes a (...)

    Ler mais
  • avatar

    "Família"

    João Jesus e Luís Jesus, em letrasaventureiras11/08/2017 às 12:00

      O amor está presente em todas elas, Sem ela não conseguimos passar, Mesmo que tenham alguns conflitos, A família havemos sempre de amar   Pai, mãe e filhos Os mais importantes membros familiares, Também existem os avós e os tios, Tais como os animas, umas adições (...)

    Ler mais
  • avatar

    NÓS

    cnc_admin, em e-cultura10/08/2017 às 09:00

      Houve um momento a partir do qual Falar da morte Se tornou algo dirigido à dimensão do mundo Que vivo E não tranquei a porta para que não ficasse vedado Esse mistério Apago as luzes Sim E faço deslizar o meu pente de marfim Pelos cabelos Faúlhas destinadas Ao (...)

    Ler mais