Tags : palavras

  • avatar

    IGNORAR

    transeuntemaldito, em transeuntemalditohá 14 horas

    Nem quem tudo vê, sabe ou não quer saber, do que se passará para além do rio! Transeunte Maldito   A arte de ser sábio é a arte de saber o que ignorar. William James

    Ler mais
  • avatar

    O vestido amarelo

    Gigi, em fizlimonada07/09/2019 às 21:10

      Eu estava dentro do eléctrico, ela estava fora. De vestido amarelo aos folhos, que a rodeavam como pétalas. Os brincos e colar enormes e coloridos, não deixavam espaço para dúvidas. Lembrou-me a Primavera, mas concentrada numa única flor.  Os sapatos ortopédicos destoavam (...)

    Ler mais
  • avatar

    Já não sei falar!

    Folhasdeluar, em folhasdeluar06/09/2019 às 09:05

    Por mais que pense em enfeitar a noite Por mais que queira tocar o nada Descubro sempre um geométrico vazio De uma vaga lágrima a fingir de flor.   E sinto na pele uma confusão de chamas E sinto na vertigem um letal equilíbrio As pedras são feitas de absurda seda O meu corpo é (...)

    Ler mais
  • avatar

    As Cores...

    Filipe Vaz Correia, em canecadeletras06/09/2019 às 00:38

      As cores escaparam, fugiram, esbateram-se... Na tela em branco nada sobrou daquelas pinceladas que amiúde foram ficando pela vida a fora, deixaram de brilhar, numa misturada interrogação que amordaça a vontade e se perpetua nessa dor que esmaga sem gritar. Nesse vazio que se (...)

    Ler mais
  • avatar

    Quem diz o que quer, Ouve o que não quer

    moXo, em moxo05/09/2019 às 08:36

    Mais uma vez falei demais. Demasiado impulsiva. Com as palavras na ponta da língua…falo sem pensar e ponho-me a jeito. Digo o que todos pensam e por trás falam, mas no momento eu é que acabo por verbalizar. Porquê? Para quê? Porque sou assim? Porque não sou capaz de sentir, (...)

    Ler mais
  • avatar

    A doçura de Mia Couto

    imsilva, em livrosecoisasdavida02/09/2019 às 08:49

    A doçura de Mia Couto é extravasante. Todas as letras são suaves, todas as palavras como que murmuradas, em vez de escritas. Já tinha lido "Venenos de Deus, Remédios do Diabo" e ficado presa da sua escrita, das suas histórias, das suas amendoadas histórias. "Na berma de (...)

    Ler mais
  • avatar

    Os teus olhos

    francisco luís fontinha, em franciscoluisfontinha19/08/2019 às 19:36

    Os teus olhos São as estrelas dos meus sonhos. São o poema amanhecer, Quando os teus abraços Se entranham no meu pensamento. Os teus olhos são o cansaço de escrever, A madrugada Desassossegada, Antes de o dia nascer. Os teus olhos são o meu alimento, A almoço desejado, E mesmo (...)

    Ler mais